Produtora musical desde os anos 1960, ela estava internada por problemas causados por doença degenerativa.

Sonia Abreu era conhecida como a primeira DJ brasileira — Foto: Reprodução/Facebook/Sonia Abreu
Sonia Abreu era conhecida como a primeira DJ brasileira — Foto: Reprodução/Facebook/Sonia Abreu

Sonia Abreu, produtora musical conhecida como a primeira DJ do Brasil, morreu na tarde desta segunda-feira (26) aos 67 anos, em São Paulo. Ela teve uma fadiga respiratória causada pela esclerose lateral amiotrófica (ELA), uma doença degenerativa.

Abreu estava internada desde sexta-feira (23). A informação foi confirmada por Claudia Assef, amiga e autora da biografia “Ondas tropicais – Biografia da primeira DJ do Brasil: Sonia Abreu”, escrita com Alexandre de Melo.

O corpo será velado das 8h às 14h desta terça-feira (27), na Funeral Home, na Rua São Carlos do Pinhal, na Bela Vista, na capital paulista.

O título foi tirado da rádio móvel criada pela DJ nos anos 1980, montada dentro de um ônibus, que passou por diferentes pontos de São Paulo. Em 1986, o projeto foi transportado para os litorais de SP e do RJ dentro de um barco.

O nome também batizou um programa de world music em rádios entre os anos 1980 e 1990.

Sonia foi produtora musical da rádio Excelsior de 1968 a 1978. Em 1977, tocou como DJ na discoteca Papagaio Disco Club, e começou a escrever uma coluna sobre música para a “Revista POP”.

Nos últimos anos, continuava atuando como DJ.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here